segunda-feira, 26 de abril de 2010

Alex Atala

É para encher os olhos, ficar orgulhoso e comemorar. O nosso querido chefe Alex Atala, mais uma vez inova, quebra barreiras, vence o próprio recorde e sai do 24º lugar para o 18º!!! Esta lista foi divulgada hoje (26) em Londres. É a lista S. Pelegrino, que avalia anualmente os 50 melhores estabelecimentos do ramo gastronômico do mundo. Um dia vou fazer parte deste juri e provar as delícias e outras não tão delícias, ao redor do mundo.

Eu conheci o Alex há uns anos, quando o programa Mais Você ainda era feito em São Paulo. Ele realmente é um fofo, conhecedor, tem uma propriedade no Acre onde cultiva as flores comestíveis e ervas diferenciadas, com todo o zelo de alguém que realmente gosta do que faz. Ele é um chefe de cozinha, líder, encantador e criativo. Poucos que conheço são assim. Bem poucos.
Na última vez que veio ao programa, me apresentou uma receita, que era um pedaço pequeno de peixe, que ele "fritava" sobre uma peneira. Simplesmente delicioso. Além disso ele lidera com maestria uma equipe no D.O.M. e outra no Dalva e Dito. Os dois muito próximos nos Jardins, em São Paulo, entitulados de gastronomia brasileira, ou seja, valorizando os nossos produtos e com isso conseguiu desbancar restaurantes renomados pelo mundo, apresentando técnicas perfeitas e criatividade na apresentação dos pratos. O restaurante Noma, atual topo da lista, fica localizado em Copenhague e é capitaneado por René Redzepi, herdeiro da escola gastronômica de Adrià, segundo o jornal espanhol "El País".

Veja abaixo a lista completa dos 50 melhores restaurantes
1 - Noma (Dinamarca)
2 - elBulli (Espanha)
3 - The Fat Duck (Reino Unido)
4 - El Celler de Can Roca (Espanha)
5 - Mugaritz (Espanha)
6 - Osteria Francescana (Itália)
7 - Alinea (Estados Unidos)
8 - Daniel (EUA)
9 - Arzak (Espanha)
10 - Per Se (EUA)
11 - Le Chateaubriand (França)
12 - La Colombe (África do Sul)
13 - Down 4 (França)
14 - L'Hotel de Ville - Philippe Rochat (Suíça)
15 - Le Bernardin (EUA)
16 - L'Astrance (França)
17 - Hof Van Cleve (Bélgica)
18 - D.O.M. (Brasil)
19 - Oud Sluis (Holanda)
20 - Le Calendre (Itália)
21 - Steirereck (Áustria )
22 - Vendome (Alemanha)
23 - Chef Dominique (Finlândia)
24 - Les Creations de Narisawa (Japão)
25 - Mathias Dahlgren (Suécia)
26 - Momofuku Ssam Bar (EUA)
27 - Quay (Austrália)
28 - Iggy's (Cingapura)
29 - L'Atelier de Joel Robuchon (França)
30 - Schloss Schauenstein (Suíça)
31 - Le Quartier Francais (África do Sul)
32 - The French Laundry (EUA)
33 - Martin Berasategui (Espanha)
34 - Aqua (Reino Unido)
35 - Combal Zero (Itália)
36 - Dal Pescatore (Itália)
37 - De Librije (Holanda)
38 - Tetsuya's (Austrália)
39 - Jaan Par Andre (Cingapura)
40 - Il Canto (Itália)
41 - Alain Ducasse Au Plaza Athenee (França)
42 - Oaxen Krog (Suécia)
43 - St John (Reino Unido)
44 - La Maison Troisgros (França)
45 - wd~50 (EUA)
46 - Biko (México)
47 - Die Schwarzwaldstube (Alemanha)
48 - Nihonryori RyuGin (Japão)
49 - Hibiscus (Reino Unido)
50 - Eleven Madison Park (EUA)

Parabéns Alex, que venha o primeiro lugar!!!!

El Bulli, do chefe Ferran Adrià, deixou a primeira posição após 3 anos. O rebaixamento do El Bulli acontece no mesmo ano em que Adrià anunciou seu fechamento para a instalação de uma fundação no local.

Daniela Meira - produtora de culinária Mais Você

Um comentário:

Juliana Masselli Castro disse...

Super bacana mesmo né? Já vi o Alex no Mais Você e ele é uma simpatia, parece amar o trabalho... merece todo o sucesso que tem!!

Bjos!